1 de dez de 2010

Suspense old school

Taí uma cena clássica de suspense, repleta de... pureza e ingenuidade!! Antigamente bastava um vilão, uma corda e um trilho de trem pra fazer uma plateia inteira remexer na cadeira. E hoje? Tem que ter galões de sangue derramados, metralhadoras, psicopatas, casas abandonadas, criancinhas indefesas, um excelente roteirista e todo o aparato de Hollywood para provocar algum leve arrepio. E o que a gente faz? Se joga na pipoca.
Eu desconfio o porquê. É que a vida do lado de fora do cinema ficou bem mais apavorante. Basta um semáforo fechado, um marginal e um vidro aberto pra gente levar um susto horripilante. Crianças? Tomara que elas não estejam no carro presenciando a cena. E que alguém assuma o papel do roteirista tentando explicar o que está acontecendo com a realidade. Eu só tenho uma pergunta a fazer: cadê o meu dublê?

2 comentários:

Peretti disse...

Hmmm, vou ter que discordar, Magali. Se tu assistir a primeira cena de Bastardos Inglórios, o ator ali faz todo mundo se encolher na cadeira enquanto toma um copo de leite.

Ao mesmo tempo, sim, quando eu vejo noticias aqui no Reino Unido de pessoas e coisas das quais eu devia sentir medo eu só digo "Manda esse pessoal pra Rocinha passar umas férias".

Então: acho que ainda tem filmes bons que não precisam de tanta obviedade gráfica pra nos assustar, mas o primeiro mundo não sabe o que é o cotidiano do terceiro mesmo.

Cinderela Descaída disse...

Também queria um, ou vários! Aliás, esses filmes novos são o ó. Me lembro que, quando tentei ver o Iluminado no vídeo (pré-DVD), tive que sair da sala várias vezes de tanto medo que fiquei. Aquelas sobrancelhas do Jack Nicholson...