29 de nov de 2010

Inteligência e observação

Quando eu trabalho muito e me divirto pouco, sinto como se fosse uma evasão de divisas: sai, sai, sai e quase seca a fonte. Chega uma hora em que preciso colocar algo pra dentro da cabeça.
Hoje no final do dia fui assistir uma palestra com o Arnaldo Jabor na Semana da Propaganda, um evento aqui em Porto Alegre para publicitários e simpatizantes. Coisa linda ver alguém concatenar as ideias e construir uma linha de raciocínio contextualizando cada fato, lembrando todas as datas e nomes, resgatando o passado como se tudo aquilo tivesse acontecido ontem. O homem fez uma retrospectiva da história política do Brasil com tiradas dignas de programa humorístico. Foi um sopro no cérebro. O cansaço sumiu na hora. E ele não tinha nenhuma anotação ou power point. Usou só o gogó e o improviso. Vou sonhar com o Jabor. Mulheres têm um fraco por homens que seduzem com seus neurônios.

3 comentários:

Fernanda Reali disse...

Quero te ver dia 09, será que dá? Não sou o Jabor, mas vou tentar te faer relaxar por 30 minutos, hehe

Cinderela Descaída disse...

Ele é o máximo mesmo. E, sim, acho que toda a mulher inteligente tem uma queda por homens inteligentes. Homem burro não dá! bjs

Celso Finkler disse...

Amei concatenar!!! Já tô concatenando aqui com a minha galerinha!!! Elenir, que é de Não Me Toque, está concatenando hoje! Trouxe bolo e tudo mais. Fim de tarde, iremos concatenar ao som de Lady Gaga...essa sim, concatena que é uma beleza!!!! Maga... você sempre me surpreendendo. O que seria de mim se não existissem surpresas tão boas quanto você! Bjo no coração, Cé!