19 de mai de 2011

Relógio biológico X horas de estudo

Atenção mulheres que deixam pra ter filho mais tarde, bem mais tarde, o mais tarde possível, depois dos 40, depois da próxima viagem, depois da próxima promoção na firma. Não tenho nada a ver com isso mas me sinto na obrigação de alertar: não demorem tanto assim.
O problema não é a queda na produção de óvulos. Eu me refiro a outras coisas que vamos perdendo com o tempo. Paciência, por exemplo (tão fundamental quanto leite materno). Pique pra brincar. Disposição e disponibilidade pra chegar em casa e assumir o terceiro turno com estudos, temas e pesquisas.
Levar e buscar no colégio não é nada. E quando você, na mesma noite, tem que mergulhar nos períodos paleolítico e neolítico, depois trocar de quarto e discutir os conceitos da filosofia? Ontem fui dormir com o cérebro em frangalhos. Como vai ser no vestibular? Tem mães que nem se envolvem com a vida estudantil dos filhos. Acho isso tão improvável quanto gabaritar prova de física.

2 comentários:

Cinderela Descaída disse...

É verdade. A paciência se esgota junto com o estrógeno. Mais um pouco e eu não teria conseguido aguentar!
bjs

Silvana disse...

Concordo totalmente, meu final de semana vai ser estudante matemática com a Muri, só 3 pra recuperar, bem fácil. bjs