12 de jul de 2011

3... 2... 1... delegar!!

Quem me conhece sabe que sou hiperativa, agitada, rapidinha e ansiosa. Relaxar na frente da TV é um castigo. Em casa, por onde vou passando já recolho algo do chão, dobro, guardo, organizo, apronto, mudo. Sou aquele tipo (maluco) de pessoa que prefere fazer em vez de pedir. Obviamente porque assim garanto que tudo vai ser feito da maneira que eu quero. A cama, por exemplo. Em outra vida devo ter sido uma camareira de hotel 6 estrelas. Ou uma sargenta possuída pelo demo: estico lençóis e cobertores com rigor militar. Que venha a inspeção.
É por isso que ainda estou deglutindo a frase que o Ricardo disse hoje cedo no elevador:
-Te prepara porque não vai ser tudo do teu jeito.
Ele tem razão e, de tanto que me ama, resolveu avisar. Quando eu voltar do hospital na sexta-feira, vou precisar mudar de conduta. Ou deixo rolar ou estou ralada. Por um bom tempo, não vou poder carregar peso e terei que cuidar os movimentos dos braços. Em outras palavras, vou precisar de alguém pra fazer muita coisa por mim. Do jeito desse alguém, não exatamente do meu jeito. No primeiro final de semana, talvez eu tenha que terceirizar até o singelo ato de escovar os dentes. Se gentileza gera gentileza, então agora espero receber de volta as tantas gentilezas que já fiz. Hoje no banho, ensaboando os cabelos e pensando na alegria de levantar os braços na hora em que eu quiser, entendi que esse período de pós-operatório também vai ser um curso intensivo de como delegar. E eu vou aprender.

2 comentários:

Cinderela Descaída disse...

Guria, que história é essa de hospital e cirurgia? Fiquei preocupada! Manda notícias!
E eu achando que irias tirar férias...
bjs

Gislaine Marques disse...

O mais legal é teres essa consciência de que isso é uma baita oportunidade para seres uma pessoa ainda melhor. ;) Maravilha! Bjinho.