20 de jul de 2011

Dia do Amigo - ou como Adicionar Sinceridade

O Facebook faz a gente ter a impressão de que é amigo de todo mundo. Aproveitando que faltou sem luz (e fiquei desconectada), penso de novo sobre isso. Amigo, lá no dicionário e na vida, faz muito mais sentido. Será que só eu implico com essa nova obrigação social de adicionar? Seria mais honesto o Facebook oferecer outras opções: Conhecido Das Antigas, Já Foi Muito Próximo, Conheci Faz Pouco, Nem Conheço Mas Vou Adicionar, Amigo De Um Amigo, Conhecido De Um Conhecido, Adicionante Simpatizante, Apenas Contato, Apenas Curiosidade, Colega Com Potencial De Amizade, Amigo Top Ten, Achei Que Era Amigo Mas Não É.
Quem tem quinhentos ou dois mil amigos? Quem tem essa ilusão? Gosto tanto da palavra Amigo, sempre gostei e respeitei. Aí veio o Facebook, banalizou e confundiu tudo. Na vida real, ninguém pergunta se o outro quer ser amigo porque não existe resposta imediata. Leva tempo e requer dedicação. Amizades morrem feito planta sem sol e água. Estar online não significa necessariamente estar criando vínculos. Quantas vezes a gente vê a luz verde do chat acesa e não sente a menor vontade de falar com a pessoa? Curtir fotos e atualizações pode ser saudade das boas ou apenas um vício adquirido.
Já que inventaram o Dia do Amigo, que seja pra pensar em quem da listinha (ou melhor, listona) a gente levaria pra uma ilha deserta. Sem Wi-Fi, sem uploads e downloads, só pela companhia, pelo prazer da conversa e principalmente pela confiança adquirida.

6 comentários:

Alexandra disse...

ÓTEMO! Adorei. Leu a matéria da Veja desta semana sobre o Google ? Acho que ele está afetando sim a minha cuca junto com o face. E acho que melhor do que a ilha deserta, seria quem vc levaria para um simples happy hour. Com certeza, tu estarias na minha listinha.
beijos e semana que só estarei em POA na segunda.
Alexandra

Géssica Maciel "Petit Pois Lilás" disse...

Li, amei, refleti, copiei e colei (no Facebook), com os devidos créditos, ok?!

Bjukas =]

Cinderela Descaída disse...

Me lembrei de uma música velhíssima do Rei: "Eu quero ter um milhão de amigos..."
Eu tenho poucos amigos, creio. Mas, agradeço à web por ter te conhecido. Não fosse ela, não te consideraria uma nova amiga!
Beijos,

Fernanda Reali disse...

Eu temho muuuuitos conhecidos, mas pouquinhos amigos, menos de uma mão cheia. Ao dizer amigos, eu quero dizer que seriam aquelas pessoas para quem eu ligaria se tivesse que compartilhar a MELHOR ou a PIOR notícia da minha vida.

Há gradações, amigos bons e queridos para a gente compartilhar as coisas do dia a dia, que merecem ser cultivados.

Acredito na internet para fazer novas amizades e para incrementar as antigas.

beijoooo

Drika disse...

MAgali, perfeito este post! A palavra amigo mudou pra mta gente desde o orkut. AS pessoas parecem se simpatizar com coleçoes de amigos que nunca estão realmente preocupados com vc... É preocupante principalmente com os mais novos que s acostumaram a achar que encontrar um verdaadeiro amigo é tão facil qto adicionar e se não gostaar, deleta!
Bjks!!!!

http://gavetinhasdadri.blogspot.com/
@Drika_Ribeiro

Ju Ramalho disse...

Adorei esse post, vem bem no encontro que penso sobre o assunto de amizades versus internet.

Bjo Magali!