13 de nov de 2008

Confissões

-Eu minto, padre.
-Mas nem entrei no confessionário ainda…
-Desculpe, é que mentir está me atormentando.
-Que tipo de mentiras?
-Minto para os meus filhos que eu passo fio dental.
-Só isso?
-Só?! A mesma mentira noite após noite? Cheguei a fazer o cálculo, se eu viver até os 90 anos e repetir essa mentira diariamente são 5 anos de mentira na minha vida!
-Eu quis dizer que, num mundo com tanto ódio e guerras, usar fio dental não é tão grave assim.
-Uma mãe que mente para os próprios filhos é gravíssimo! Eu devia dar o exemplo. Já nem consigo me olhar no espelho quando entro no banheiro…
-Então por que a senhora mente para eles?
-Com todo o respeito, se o senhor tivesse filhos ia ver o que é bom.
-A maternidade é um presente sagrado.
-E um presente sagrado fica gritando e testando os limites da gente?
-Imagino que a senhora deva fazer muitas coisas boas para compensar…
-Sim, claro… Parar no sinal vermelho e não estacionar em fila dupla contam?
-Eu diria que é sua obrigação.
-Tá vendo? Minto até para padre! Eu parei em fila dupla na frente da igreja.
-Que outros pecados abalam sua consciência?
-Minto para os meus filhos que eu comia salada na idade deles. Minto que eu via pouca televisão e dormia cedo. Minto que eu tomava remédio sem reclamar. Viu, o fio dental não é nada.
-A senhora não é uma mentirosa. É só uma peregrina cruzando o árduo caminho da educação. Alguém já disse que…
-Que ser mãe é padecer no paraíso?
-Deixe o paraíso de fora. Alguém já disse que ser mãe é dureza.
-Eu preciso de ajuda, padre!
-O que a senhora precisa é começar a usar fio dental na frente dos seus filhos.
-Eu odeio fio dental. Não dá para rezar e pronto?
-E tem mais: sua penitência vai ser comer salada, ver pouca TV, dormir cedo e tomar remédio sem reclamar.
-Que saco!
-Respeito, por favor, estamos dentro de uma igreja.
-Desculpa. Amém.
-Amém, não. Amendoim. Tem um no seu dente.
-Perdão, padre!
-Vamos parar com a confissão por aqui.
-O senhor não vai me dar perdão?
-Melhor dar o fio dental da sacristia… acabo de ver uma casca de pinhão entre os seus dentes.

Nenhum comentário: