5 de jan de 2010

Mão de vaca, eu?

Bem que eu tentei comprar o novo Sundown 30 em spray. Não consegui. Mais de cinquenta mangos. Foi-se o tempo em que dava pra torrar dinheiro. Já invisto uma quantia razoável em protetor fator 60 para o rosto (sem falar no resto da cremelândia). O corpo vai ter que se contentar com a mãozinha amiga espalhando aquela gosma branca pra lá e pra cá.
Somos 4 costas, 4 barrigas, 8 braços, 8 pernas, 8 ombros e 8 laterais. Agora pegue um fim de semana ensolarado e multiplique isso por 2 ou 3 descidas pra piscina. É a falência iminente. Ou uma família assumidamente albina.
Não comprei o luxinho e continuo pensando nele. Os jatos de spray indo para os lugares certos, sozinhos! A função do passa-passa resumida a poucos segundos. O brilho do esmalte escuro permanecendo intacto nas minhas unhas. As capas dos livros sem minhas impressões digitais melecadas.
O novo Sundown 30 em spray mexeu comigo. Os luxões estão cada vez mais raros... o que será da humanidade sem os luxinhos?

2 comentários:

Fernanda disse...

Esse produto também é meu atual sonho de consumo... Na real sonho mesmo é com uma " pílula protetora" de dose única e diária ... Mas enquanto ela não existe o tal Sundown me servia. :)

Fernanda Reali disse...

Em vez do Sundown spray, tenta o Loreal Spray, aquele que a Grazi anuncia, pois no teste do IDEC foi um dos poucos aprovados. Postei sobre isso na tag ESTÉTICA.

Saudades!

Bjs!!!