23 de jun de 2010

Festa junina de novo?!

No sábado, lá vamos nós para a festa junina do colégio. É a prova de que a terra girou, o relógio andou e mais um ano chegou na metade. Como sempre, as filas pra comprar qualquer coisa comestível serão enormes. A fumaça do churrasquinho vai impregnar na roupa. Crianças passarão gritando com seus bigodes pintados. E eu pensarei: o que estou fazendo aqui?
Mas é um clássico do ano letivo, não adianta. Dou uma passadinha, nem que seja pra encontrar os conhecidos nas filas e ver quem está comendo o quê. Também é uma boa oportunidade pra ver como os filhos dos outros cresceram, não são só os nossos que espicham e mudam a voz. E tem a expectativa de ser mandado para a prisão, que eles adoram - seria um lado criminoso em potencial? Eles sabem que terão a companhia dos amigos no xilindró, então não deve ser ruim. O único problema é ficar horas conversando com alguém que ostenta um pedaço do espetinho de frango no dente. Nesse caso, ou a gente avisa ou bebe mais Quentão - falando de clássicos, esse é imbatível: o vinho quente queimando os dedos e o céu da boca.

Foto: finelittleday.blogspot.com

Um comentário:

Fernanda Reali disse...

Tenho infeno junino sábado também, odeio. Temos um trato: vamos um ano sim, outro não, Este é meu ano de sofrer com aquelas dancinhas toscas etc. Felizmente, aqui em casa ninguém gosta de comer besteiras beliscando, então só tem fila para os joguinhos,
bjs